quarta-feira, 27 de abril de 2016

A história de um milagre - Parte V

Só que as coisas não aconteceram bem assim.
Chega enfim, o tão esperado dia...11 de maio de 2002. Acordamos às 4:20 h da manhã. A cesariana foi marcada para as 6:00 h. 
Eu não estava nervosa, apenas um pouco ansiosa, mas acima de tudo, muito confiante nas promessas do Senhor.
A família em peso foi no hospital, tanto do lado do Emerson, como do meu. E vale ressaltar, uma pessoinha que foi imprescindível em minha vida, que durante toda a gestação me acompanhou bem de perto, esteve sempre ao meu lado, me deu forças, chorou comigo, orou e viveu a gestação junto comigo. Abriu mão da vida dela para estar nesse momento tão difícil ao meu lado. Essa pessoa linda é a minha irmã caçula, Michelle. A quem eu muito amo, louvo à Deus por sua vida e sou intensamente grata.
Nos reunimos, toda família, m uma salinha, antes que eu entrasse para o bloco cirúrgico. Oramos todos juntos e mais uma vez, pedimos para que Deus fizesse a vontade Dele em nossas vidas.
Nos despedimos e lá fomos, o Emerson e eu para o centro cirúrgico. 
Eu nunca vi uma equipe médica tão grande para fazer um parto. Especialistas de todas as áreas estavam ali. O meu obstetra, um obstetra auxiliar, dois anestesistas três enfermeiras, um pediatra, um neuropediatra e um neurocirurgião: 9 profissionais assistiram a cesariana.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

A história de um milagre - parte IV

Entre muitas idas e vindas, exames, consultas, choros, angústia e o total sentimento de impotência, nem nos EUA existia um tratamento intra-uterino para tentar resolver o problema...
Em uma noite em que eu questionava muito à Deus, Ele me fez dormir e ao dormir, sonhei que estava em um lindo campo verde e florido e a Emilly vinha correndo em minha direção com duas chuquinhas nos cabelos, linda! Com os cabelos lisinhos, ela moreninha, vinha correndo e abraçava as minhas pernas. No sonho, ela tinha uns 2 aninhos.
Eu acordei, vi que estava sonhando, acordei o Emerson, e disse à ele:
- Acorda amor! Eu sonhei com a Emilly! Ela será linda, meu bem! Como você! Ela é a sua cara! Ela vai andar sim, amor! Ela será perfeita!
O Emerson me abraçou naquele momento e me confortou:
- Claro que ela será linda, meu bem! Ela será linda como a mãe!
Ele me abraçou e assim voltamos a dormir.
Era uma noite de sábado.
No dia seguinte, eu acordei chamando o Emerson para irmos à igreja. Coisa que não fazíamos a muito tempo, desde que eu havia entrado em depressão.
O Emerson, mais que depressa, aceitou o meu convite e assim fomos.

quarta-feira, 20 de abril de 2016

A história de um milagre - parte III

Capítulo 3

A nossa luta estava apenas começando.
Eu entrei em uma depressão profunda. Não me olhava mais no espelho, não penteava meus cabelos, não fazia mais as minhas unhas, não comia, dormia apenas alguns minutos durante a noite e não conseguia conversar com mais ninguém além do Emerson. Chorava quase que 24 hs por dia.
Nem com a minha mãe, que na época foi ficar comigo em BH, eu conseguia conversar. Não é porque eu não queria, na realidade eu não conseguia. A minha fala travava sempre que eu ia falar.
Nessa época o Emerson trabalhava na indústria farmacêutica e tinha muitos amigos médicos. Todos indicaram um médico especialista em medicina fetal. Ele era professor do Hospital das clinicas em BH. Em conversa por telefone do Emerson com a minha antiga ginecologista de Montes Claros, ela disse sobre esse mesmo médico em BH, ela mesmo entrou em contato com ele, para que ele pudesse nos atender, já que ele não atendia mais primeira consulta.
Chegamos e contamos à ele toda a história. Ele fez o ultrassom, confirmou o problema e nos perguntou qual a nossa opiniao sobre tudo isso.
O Emerson respondeu:
- Minha opinião é que eu não vou desistir da minha filha, doutor.
E ele então nos parabenizou e disse que realmente não via motivos para desistir. Apesar de que nos alertou que de fato, ela seria uma criança especial, limitada e com sérios problemas neurológicos.
Começa aqui a nossa luta!
Os dias pareciam não terem fim. As noites eram mais longas ainda e eu, só sabia chorar e questionar a Deus!
- Por que Senhor? O que eu fiz de errado para tudo isso estar acontecendo comigo?
Como se merecêssemos algo de Deus! Como se o fato de ter honrado sempre meus pais, sempre ter sido uma excelente filha, me casado virgem e ter tido uma vida toda "certinha" não fosse mais que obrigação.!!
As perguntas para tantos por quês, não se calavam.
E assim íamos vivendo um dia após o outro. Fazendo ultrassons de 15 em 15 dias para acompanhar de perto tudo o que acontecia.
Eu sempre sonhei em ter uma filha para poder colocar o nome de Emilly. Sempre fui apaixonada por este nome.
Um belo dia, meu marido chegou em casa depois do trabalho e me disse:
- Amor, a nossa princesa vai se chamar Emilly Victoria. Pois ela será uma vitória de Deus em nossas vidas! Eu vou amá-la com todas as minhas forças e vou lutar até o fim pela vida dela!
Neste momento ele se ajoelhou, abraçou a minha barriga e chorando muito começou a cantar para a nossa filha.
🎶"Vc é um milagre da vida, milagre da criação, com Deus sim vc vai crescer, pois ele quem te fez nascer"…🎶

domingo, 17 de abril de 2016

A História de um milagre - parte II

No dia seguinte, já no final do dia, o Emerson recebeu uma ligação da médica, pedindo para que fossemos ao plantão dela no hospital, pois ela gostaria de conversar conosco pessoalmente.
Assim fizemos. 
Ao chegar lá, ela pediu para que sentássemos, colocou diante de nós uma literatura imensa e assim iniciou a conversa:
- Desculpe queridos, infelizmente a filha de vocês é portadora de uma má formação na coluna, chamada meningomielocele. Isso não é problema com nenhum de vocês. É uma má-formação do feto. Poderia acontecer com qualquer pessoa, sua irmã, sua amiga, sua vizinha, mas aconteceu com você. 

👉Para vocês entenderem o que é a doença:

Meningomielocele é um defeito aberto do tubo neural que ocorre pela falta de fechamento dos elementos posteriores da coluna, que protegem a medula. A exposição da medula ao líquido amniótico durante toda a gestação acarreta uma lesão progressiva. As complicações durante a vida como pé torto, (pé voltado para dentro), medula presa, escolioses graves, não andar, hidrocefalia, distúrbios psicológicos, problemas urológicos que podem variar desde infecções urinárias graves e não ter o controle do esfíncter até a perda de função renal.

quarta-feira, 13 de abril de 2016

A história de um milagre - parte I

Boa noite para cada um que escolheu acessar meu blog hoje!
Convidei minha amiga Carla Toledo para contar aqui a história do milagre que Deus fez em sua vida. Foi através deste milagre que eu a conheci e me apaixonei pela pessoa maravilhosa que ela é! Este ano comemoramos 10 anos de uma amizade com afinidades inexplicáveis! Costumo falar que ela é a amiga que Deus me deu, porque jamais imaginaria viajar cerca de 10 horas, com dois filhos pequenos (a Isa tinha apenas 6 meses) e fazer amizade com uma desconhecida dentro de uma lanchonete rsrs
A Carla é Designer de interiores e Personal Organizer, atualmente mora com sua família no Canadá, tem uma rotina super corrida e com horários apertados. Mas ela, gentilmente, topou contar sua história aqui. Escreverá uma vez por semana e podem ter certeza, valerá a pena acompanhar cada capítulo!! 

Com vocês, a História de um milagre parte I


(parênteses)

Oi amiga!
Obrigada pela oportunidade de poder contar essa história tão linda aqui no seu blog. Que ela possa tocar os corações de quem ler e mostrar o poder do nosso Deus!

***

domingo, 10 de abril de 2016

Pavê de Chocolate fácil de fazer

Estou devendo essa receita desde o fim do ano passado! Mas antes tarde do que nunca.
Podem fazer que é sucesso total, todo mundo gosta! Fora que fica lindo!!




terça-feira, 5 de abril de 2016

Como limpar seu ferro de passar roupas



Recebo muitas dúvidas sobre esse assunto. Então resolvi reunir num único post, tudo que sei sobre o assunto.
1º) Existe ferro com ou sem vapor. A limpeza dos dois é bem diferente!!