quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Dona de casa do mês!! Com Kênia Vitaliano

Oi gente, tudo bom com vocês?
Esse mês inauguro a sessão: "Dona de casa do mês" e minha primeira entrevistada é a Kênia Vitaliano, mais conhecida como Aprenda na Cozinha.



A Kênia nasceu em Ribeirão Preto, é casada e mãe de um casal de gêmeos. É formada em Administração de empresas  e pós graduada em Marketing e Comunicação. Há 6 anos mora nos Estados Unidos, onde cuida sozinha de sua casa, dos filhos, do marido, da cachorra e também da sua loja virtual, a Come e Agacha Store. Fora isso tudo, ela ainda encontra tempo para cuidar do corpo e dar dicas de alimentação e vida saudável em seu blog e também em seu perfil no Instagram, que já tem mais de 154.000 seguidores.



Sua história como blogueira começou de forma despretensiosa, ela queria escrever no blog receitas para que seus filhos aprendessem conforme fossem crescendo. Mas em pouco tempo as pessoas foram se apaixonando pelo seu jeito simples, bem humorado e autêntico de ser. Criou a hashtag #comeeagacha que espalhou-se pela rede como sua marca, e um símbolo do equilíbrio que ela tem como estilo de vida. Não precisamos nos privar dos prazeres da vida, mas o exercício e a moderação devem fazer parte do nosso dia a dia.
Com vocês, a Kênia dona de casa:


Você é dona de casa e mãe de duas crianças. Você segue alguma rotina para executar as tarefas domésticas?

Eu deveria ter uma rotina para facilitar a minha vida, mas não tenho! Socorrrooooo!!! (risos) Vou fazendo conforme dá, porque também trabalho em casa e fica difícil. Tento encaixar as tarefas de casa conforme meu dia mesmo.




Você acha que é diferente ser dona de casa nos Estados Unidos? Sentiu alguma dificuldade ou facilidade por aí em relação ao Brasil?

Olha, aqui é tudo muito prático! Não se joga água nos chãos dos banheiros, por exemplo; Não lavamos cozinha com água e rodo como no Brasil. Para você ter uma idéia, meu piso na cozinha é de madeira. Só preciso varrer e passar um paninho com produto específico. Os quartos tem carpete, então basta usar somente o aspirador de pó.



Todos sabemos da sua preocupação em oferecer a melhor alimentação possível aos seus filhos. Você já tinha essa preocupação antes de ser mãe? Você já cozinhava antes deles nascerem?

Eu sempre gostei de cozinhar! Desde pequena sempre adorei assistir programas de culinária. Antes das crianças, eu também cozinhava, mas depois que eles nasceram comecei a me atentar mais aos alimentos para poder incluir os melhores nutrientes na alimentação deles.




Qual é a tarefa doméstica que você mais gosta de fazer? E qual não gosta?

Olha, pode mandar eu limpar banheiro, limpar cozinha…limpar eu gosto! Mas passar roupas, guardar roupas, não que eu não goste…mas acabo deixando acumular muita roupa e fico doidinha (risos). Coloco dobradas nos cestos para depois guardar, e elas ficam lá por dias (risos) enquanto eu tomo coragem para guardá-las.




Deixe uma mensagem para quem tem filhos pequenos e não tem ninguém para ajudar nas tarefas domésticas.

Mamães, eu acho que a prioridade são os filhos. Aproveitem cada fase deles, curtam muito e vão encaixando as tarefas domésticas na hora da soneca deles ou quando eles estiverem entretidos com algo. Serviço de casa nunca acaba! Você limpa agora e daqui 20 minutos está sujo e bagunçado de novo! E se você não der atenção para as crianças, você perderá uma fase que não voltará mais.
Aproveite as crianças! E se os seus forem grandinhos, peça para eles te ajudarem também. Eles podem recolher os brinquedos, guardar os sapatos, tudo vai depender da idade deles também. Mas o essencial é: filhos primeiro, casa depois!
                                                 
                                                            ***

Muito obrigada, Kênia, sei o quanto seu dia é corrido e parou para me responder!
Mês que vem tem mais "dona de casa do mês" pra vocês se inspirarem!
bjão

Alyne



quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Como lidar com filhos que ficaram de recuperação escolar.

Nessa época do ano tem pais arrancando os cabelos por aí, né?! Acabou o quarto bimestre, filho não alcançou a média e acabou ficando de recuperação.
Férias adiadas, pais frustrados, criança insegura… é um turbilhão de coisas acontecendo ao mesmo tempo, e muitas vezes o que já está ruim, fica ainda pior.
Se você está passando por essa situação em sua casa, o primeiro passo é ter calma e agir com racionalidade. 
Uma das causas mais comuns dos alunos não alcançarem as médias escolares, é a falta de dedicação ao estudo. Muitas crianças não seguem uma rotina de estudos, acabam deixando acumular assuntos e depois não conseguem dar conta de todo conteúdo.
A solução para este caso, é estudar mais. Mesmo que o período para recuperação seja curto, é possível conseguir salvar o ano.
Não deixe a criança sozinha nesse momento. Supervisione seus estudos, ajude, e se não puder estar com seu filho nesse momento, procure alguém que possa ajudar, como um tutor ou professor particular.





Uma coisa que muitos pais não levam em consideração, é que cada criança tem um tempo próprio de maturação, de desenvolvimento, e pode acontecer de em algum momento do ano letivo ele simplesmente não ter conseguido acompanhar sua turma. 
Outros fatores também influenciam a vida acadêmica dos nossos filhos, como problemas familiares, não adaptação ao método de ensino do colégio, à didática do professor, e até mesmo a falta de interesse da criança com o ensino regular.
Através do diálogo e da observação, podemos como pais, identificar essas causas e ajudar nossos filhos a reencontrarem o caminho.
É importante que o aluno sinta que há um esforço efetivo para ajudá-lo. Isso aumenta sua  confiança em si mesmo e dá ânimo para continuar.


Se mesmo assim seu filho não conseguir recuperar as notas finais e ficar retido (reprovar de ano), o ideal não é puní-lo, humilhá-lo, mas sim conscientizá-lo de que a própria repetência é a punição. Uma vez que terá que rever todo conteúdo e não avançar junto com seus amigos para a série seguinte.
Para o próximo ano, comece desde o primeiro bimestre a orientar seu filho a manter uma rotina de estudos, fazer perguntas ao professor quando não entender a matéria, manter em dia os trabalhos solicitados, para que não precise correr atrás do prejuízo no final do ano.
Acompanhe diariamente o estudo dele. Pergunte ao seu filho como foi na escola, se entendeu toda matéria, se está gostando da turma, do professor, dos coleguinhas…interação entre pais e filhos faz muita diferença na vida escolar da criança. 
Caso você note alguma dificuldade, procure o quanto antes a coordenação da escola, para que seja sanada o mais rápido possível e não se torne algo maior nos próximos meses.
Com paciência, diálogo e muito amor, podemos ajudar nossos filhos a avançarem no aprendizado escolar. Conheça e respeite as habilidades e também as dificuldades que ele tem. Assim, o estudo se tornará algo prazeroso e parte integrante do seu dia a dia.

Um forte abraço,

Alyne




















quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Produtos de limpeza para o banheiro.

Oi gente, tudo bom?
Acabei de gravar um video pra vocês, mostrando os produtos de limpeza que uso nos banheiros.
A maioria das donas de casa ama um produtinho novo rsrsrs ver a despensa cheia de opções acaba virando uma mania.
O lado bom é que eles duram bastante, basta saber usá-los corretamente.
Variar e fazer boas misturas, fazem com que rendam muito!
Estes são os produtos que uso:


Não uso todos juntos. Alguns servem para uma parte específica e outros podem ser misturados ou tem múltiplas funções.
Seja qual for a sua escolha, use com moderação e faça seu serviço com amor. Assim tudo ficará limpo e  sua família irá usufruir de um ambiente mais acolhedor.

Link para o vídeo:


Um grande beijo,

Alyne